• Marcelo Naudi

You really got me

"You Really Got Me" é uma canção escrita por Ray Davies, vocalista e compositor principal dos The Kinks, entre 9 e 12 de março de . A canção, originalmente tocada em um estilo mais orientado para o blues, foi inspirada por artistas como Lead Belly e Big Bill Broonzy.


Duas versões da música foram gravadas, com a segunda apresentação sendo usada para o single final. Embora houvesse rumores de que o futuro guitarrista do Led Zeppelin, Jimmy Page, havia tocado o solo de guitarra da música, o mito já foi provado falso.


"You Really Got Me" foi construída em torno de um riff de guitarra com power chords, tocado por Dave Davies, irmão do compositor. De acordo com o empresário da banda, Larry Page, o riff característico da música surgiu enquanto trabalhavam os acordes de " Louie Louie " do Kingsmen.


A música alcançou o número um na parada de singles do Reino Unido em 1964, e permaneceu no topo por duas semanas. Mediante o sucesso, foi lançada nos Estados Unidos um mês depois, pela Reprise Records.


Musicas e letras

Os comentaristas descreveram "You Really Got Me" como rock de garagem, hard rock, rock and roll e proto-punk. Enquanto Ray Davies tinha sido instruído na época a escrever material " tipo Beatle " por razões comerciais, "You Really Got Me" foi escrita como uma composição mais baseada em R&B.

O musicólogo americano Robert Walser descreveu "You Really Got Me" como "a primeira canção de sucesso construída em torno de power chords." A canção desde então foi rotulada como uma das primeiras influências do gênero heavy metal, com a crítica Denise Sullivan do AllMusic escrevendo: "You Really Got Me continua a ser uma canção modelo no arsenal de hard rock e heavy metal."

No entanto, Dave Davies rejeitou a ideia de que a música é heavy metal, dizendo: "Eu nunca gostei muito desse termo, heavy metal. Acho que, com toda a humildade, foi o primeiro disco de rock riff de guitarra pesada. Só por causa do som - se você tocou em um ukulele, pode não ter sido tão poderoso."

A letra da música é sobre luxúria e sexo e Dave Davies a descreve como uma canção de amor para meninos de rua.


Premiações

Em 1999, "You Really Got Me" foi incluída no Grammy Hall of Fame. A revista Rolling Stone colocou a canção em 82º lugar em sua lista das 500 melhores canções de todos os tempos e em quarto lugar em sua lista das 100 maiores canções de guitarra de todos os tempos. No início de 2005, a canção foi eleita a melhor canção britânica da década de 1955-1965 em uma pesquisa de rádio da BBC. Em março de 2005, a revista Q o colocou no nono lugar em sua lista das 100 melhores faixas de guitarra. Em 2009, foi nomeada a 57ª Melhor Canção de Hard Rock por VH1 .


Versão Van Halen


A versão, citada por Eddie Van Halen como uma versão "atualizada" do original, apresentava guitarra "histriônica" tocada por Eddie Van Halen com algumas "travessuras vocais" de David Lee Roth. A música foi tocada pela banda ao vivo por anos antes de seu lançamento em estúdio.


Porque a música foi lançada rapidamente e como single?

Eddie Van Halen e o baterista do Angel, Barry Brandt, estavam conversando sobre seus novos materiais, o que levou Eddie Van Halen a mostrar uma demo de "You Really Got Me" para Brandt. No dia seguinte, o produtor da banda, Ted Templeman, disse ao Van Halen que Angel estava gravando seu próprio cover de "You Really Got Me" para lançar antes da versão do Van Halen. Como resultado, a música foi lançada rapidamente como um single antes que Angel pudesse fazê-lo.


A banda de rock americana Van Halen adaptou a música para seu álbum de estreia, auto-intitulado, de 1978.

"You Really Got Me" atingiu o pico de 36 na Billboard Hot e se tornou um um sucesso popular nas rádios, o que ajudou a impulsionar a carreira da banda, como havia feito para os Kinks 14 anos antes.


No rádio, passou a ser frequentemente apresentada com "Eruption", o instrumental que a precede no álbum, como uma introdução.


Eddie Van Halen mais tarde expressou insatisfação com o uso de "You Really Got Me" como single de estréia da banda. Ele disse: "Fiquei meio chateado que Ted [Templeman] quisesse que nosso primeiro single fosse a música de outra pessoa. Eu talvez tivesse escolhido" Jamie's Cryin ' ", só porque era nossa."


Dave Davies do The Kinks afirmou não gostar da interpretação da música pelo Van Halen, dizendo "Aí está: a boa arte nem sempre é ter a técnica mais confortável...." Porém, ele também contou que foi abordado após um show ao vivo e parabenizado por apresentar um "ótimo cover da música do Van Halen".




“You really got me” é puro rock and roll. A versão original de 1964 abriu as portas para composições baseadas em riffs de guitarra.

A versão cover do Van Halen de 1978 ajudo a estabelecer a música como um dos clássicos do rock.

Sendo um grande exemplo de simplicidade, a intro é empurrada por uma repetida figura rítmica de dois acordes. A versão dos Kinks é feita em cima dos slides de acordes fortes que têm como base a 6a. corda, enquanto que a versão do Van Halen transpõe a parte um tom acima e apresenta distorção. Ritmicamente, não há nada complicado no riff.



Fontes de pesquisa:

https://stringfixer.com/pt/You_Really_Got_Me

Revista guitar – ano 1 – no. 2